Saltar para o conteúdo

Driver

Março 5, 2018

“Traduzir um poema é como tomar banho de gabardine”

Ontem finalmente vi o belíssimo “Paterson”. Depois de ver um filme destes quem quer saber dos Oscars© Bah… Durante o filme lembrei-me várias vezes de Magnus Mills. Escritor inglês vencedor de vários prémios literários e que continua a ser motorista de autocarros em terras de sua majestade. Tem um livro divertidíssimo, “O curral das bestas”. Procurem que eu tenho mais que fazer. Tal como escrever posts no blog.

2 comentários leave one →
  1. Março 17, 2018 22:05

    caraças, que imagem +palavras tão,mas tãotãotão poderosas :)*
    obrigada, não conhecia.

    Gostar

Preencha o vazio:

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: