Skip to content

Jorge Silva Melo

Fevereiro 24, 2016

Se tivesse um jornal convidava Jorge Silva Melo para escrever sobre o que lhe apetecesse, alfinetes, tremoços, botões, caricas, sei lá, seria como a sopa de pedra, porque acabaria sempre por falar daquilo que gosto, livros, filmes, música, pinturas, viagens, histórias dentro de histórias, é uma delícia ler o que escreve.

Anúncios
2 comentários leave one →
  1. Fevereiro 24, 2016 17:28

    é bem verdade e, como se não bastasse, apresenta-se sempre impecavelmente informal, ora sentado num colchão sem cama, ora de alpercatas, um sorriso franco.

    e tem um notável conjunto de memórias que incitam ao desejo de comer tremoços, azeitonas, cerejas… 🙂

    Gostar

    • Fevereiro 24, 2016 23:59

      Sim, a escrever e a falar/conversar. Uma vez assisti a uma conversa após uma sessão cinéfila. Uma maravilha, ficava horas a ouvir aquelas histórias.

      Gostar

Preencha o vazio:

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: