Skip to content

Sofrem por não obterem os aplausos que desprezam

Outubro 6, 2015

Charles Baudelaire por Gustave Courbet, 1849

«Estas escaramuças penalizavam Marthe; suficientemente inteligente e apaixonada para perceber que a felicidade não reside na consideração dos vizinhos, era como aqueles poetas que sabem que a verdadeira poesia é coisa “maldita”, mas que, apesar desta certeza, sofrem por vezes por não obterem os aplausos que desprezam.» (p. 91)

O Diabo no Corpo, Raymond Radiguet (Trad. Maria da Piedade Santos, Ed. Palimpsesto)

Anúncios
No comments yet

Preencha o vazio:

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: