Skip to content

Abstenção

Outubro 1, 2015

abstenção

Onde moro, o psd/cds, desde o 25 de Abril, ganhou sempre com maioria absoluta. Isto em todas as eleições: legislativas, presidenciais, europeias e autárquicas.

Nas últimas autárquicas a oposição encontrou um bom candidato, tinha apoio popular, os comícios tinham sempre muita gente, sentia-se finalmente que as coisas iriam mudar.

A corrupção, como na maioria das câmaras, é diária, toda a gente sabe dos esquemas mafiosos, fala-se disso à boca cheia em todo o lado.

No último dia de campanha a “arruada” do candidato psd tinha no máximo 15 pessoas (e desses 14 eram funcionários da câmara).

Finalmente chegava dia de votar. Resultado, nova maioria absoluta para o psd. Como? Pois, a abstenção foi novamente muito elevada.

As pessoas dizem mal de tudo, reclamam, gritam, puxam os cabelos, mas no fundo, no fundo, nada fazem para mudar.

Quando perguntei às pessoas que conheço, “foste votar?”, recebi sempre como resposta, “para quê, não ia mudar nada”. Seu calhorda, mas pelo menos mandavas estes corruptos para a rua, pá!! Arre burro que amanhã é sexta.

No comments yet

Preencha o vazio:

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: